Arquivos | NOTÍCIAS DO MARANHÃO RSS feed for this section

Veja o que aconteceu em Peritoró – MA.

9 fev

O prefeito Agamenon Milhomem trocou o PSC pelo PMDB e anunciou que desistiu da sua candidatura à reeleição para apoiar o padre Josias Lima Oliveira na disputa pela Prefeitura de Peritoró nas eleições deste ano. A aliança foi sacramentada na tarde desta quinta-feira (09), durante encontro com o secretário de Articulação Política, Hildo Rocha, que contou com a participação de seis vereadores de Peritoró e do secretário de Saúde e deputado estadual pelo PMDB, Ricardo Murad.

“Foi uma decisão pessoal de não disputar a reeleição, e também de fazer essa aliança pelo município de Peritoró. Padre Josias já foi prefeito, tem muitos serviços prestados ao nosso município e conta com boa aceitação por parte da população. Por isso, viemos comunicar a nossa união ao secretário Hildo Rocha”, declarou Agamenon Milhomem.

Padre Josias confirmou a aliança e ratificou que a intenção dos dois grupos políticos liderados por ele e pelo atual prefeito é buscar uma unidade que garanta mais benefícios para o município. “Sou presidente do Diretório Municipal do PMDB, partido da governadora Roseana Sarney, e contamos com o apoio dela e das nossas lideranças estaduais para que possamos, juntos, trabalhar ainda mais pela população de Peritoró”, enfatizou ele.

O ex-prefeito ainda acrescentou que essa aliança se fortalece com o apoio de sete dos nove vereadores do município. Seis deles – Maria das Dores, Valdecy Norberto, Constantino Costa, Natércia Alves Sales, Raimundo Veras e Jurenaldo Lisboa – participaram da reunião com o secretário de Articulação Política, em São Luís.

Se cada um fizesse a sua parte…

28 ago

Este slideshow necessita de JavaScript.

FESTA DO DIA DOS PAIS: SANTA ROSA, CAPINZAL E SANTA CRUZ

Já descobrimos que o mundo não precisa de um grande super-herói, mas precisa de pessoas simples, capaz de fazer sua parte. Madre Teresa dizia que o que fazemos é uma pequena gota de água, mas que oceano seria um pouco menor se não contribuíssemos com essa gota.

Por isso parabenizamos o Zé Maria pelo trabalho voluntario que faz: Com os pais, as mães e as crianças.

Se cada um fizesse sua parte no mundo as coisas seriam diferente!!!! Ele faz estas festas comemorativas sem visar lucro, o maior pagamento e a alegria que ele traz para as pessoas.

Índios recebem comida estragada no Maranhão

6 ago

Estudantes das escolas indígenas do Maranhão recebem merenda estragada e enfrentam falta de alimentos por conta de falhas na distribuição, feita poucas vezes ao ano e em quantidade insuficiente para suprir a necessidade dos alunos.

Relatório da Funai (Fundação Nacional do Índio) ao qual a Folha teve acesso revela ainda outros problemas em 19 escolas indígenas maranhenses.

Há acusações de chefe vendendo a comida no próprio mercado, escolas fechadas desde o início do ano, falta de regularidade no transporte escolar e alunos liberados por falta de comida.

“Isso evidencia a fragilidade do processo de fiscalização da Secretaria de Educação do Maranhão e a irresponsabilidade com o dinheiro público”, informa o relatório da Funai, concluído no fim de junho e feito a pedido do Ministério Público Federal no Estado.

Na semana passada, o Ministério Público entrou com ação civil contra o governo do Maranhão.

Responsável pela execução dos recursos federais na educação indígena, o governo estadual contratou por R$ 3 milhões uma empresa que, segundo a Funai, não é capaz de entregar os alimentos durante o período letivo.

Há oito escolas que não recebem merenda desde o fim de 2010 e outras sete onde a comida só chegou nos primeiros dois meses deste ano.

Relato de índios e professores aos técnicos da Funai revelam que “lata de sardinha estava estufada, a linguiça continha larvas e os legumes [estavam] murchos e passados”.

“Graves falhas na prestação do serviço vêm comprometendo tanto o acesso à merenda escolar como sua qualidade e adequação às culturas locais”, escreveu na ação o procurador Alexandre Silva Soares, reiterando que as mesmas irregularidades se repetem há anos.

OUTRO LADO
A própria Secretaria de Educação do Maranhão admitiu, em nota à Folha, que detectou irregularidades na distribuição feita pela empresa terceirizada.

A secretaria informou que “suspendeu imediatamente o contrato e iniciou o processo de centralização da alimentação escolar, com acompanhamento e fiscalização desde a aquisição dos alimentos até a distribuição nas escolas indígenas”.

O órgão informou ainda que o contrato está sendo investigado pelo próprio governo do Estado.

Ex-prefeito de Sucupira do Norte terá de devolver quase R$ 1,5 milhão

6 ago

A Promotoria de Justiça de Sucupira do Norte ingressou na última quarta-feira, 3, com duas ações civis públicas de execução forçada contra o ex-prefeito Benedito de Sá Santana. De acordo com as ações, Santana deve R$ 239.386,33 ao Estado do Maranhão e R$ 1.234.350,35 aos cofres do Município.

As dívidas são decorrentes de acórdãos do Tribunal de Contas do Estado (TCE) que reprovaram as contas do município referentes ao ano de 2007.

Os acórdãos 803/2009, 804/2009 e 805/2009 tratam, respectivamente, de irregularidades nas contas do Fundo Municipal de Saúde (FMP), da Administração Direta da Prefeitura e do Fundo Municipal de Assitência Social (FMAS) e condenaram o ex-prefeito ao ressarcimento de mais de R$ 1 milhão aos cofres municipais, além do pagamento de multas ao Estado que, somadas, chegam a quase R$ 231 mil.

Existe, ainda, outra condenação a pagamento de multa ao Estado do Maranhão (acórdão 806/2009), referente a irregularidades nas contas do Fundo Municipal de Desenvolvimento da Educação Básica e Valorização do Magistério (Fundeb), cujo valor devido é de R$ 8.431,30.

Na ação, o promotor de Justiça Carlos Henrique Soares Monteiro requer o pagamento das dívidas no prazo de três dias, sob pena de penhora dos bens de Benedito de Sá Santana em valor suficiente para a quitação dos débitos.

Ao mesmo tempo, o titular da Promotoria de Justiça de Sucupíra do Norte pede que a Justiça requisite informações ao Banco Central a respeito de valores existentes nas contas do ex-prefeito, decretando a sua indisponibilidade até o valor devido. (Com informações do MP/MA).

Romário no maranhão?

6 ago

Blog do Décio

Em clima de muita emoção, os deputados federais que participam na tarde deste sábado de um jogo beneficentes com um combinado da Assembleia Legislativa, visitaram durante a amanhã o Hospital do Câncer Aldenora Belo e a Apae.

Emocionado, Romário é beijado por duas crianças atendidas pela Apae em São Luís

O ex-atacante Romário chorou nas visitas às duas entidades filantrópicas. Ele tem uma filha com síndrome de down. Participaram da visita ainda os deputados-celebridades Tiririca (PR-SP), Protógenes Queiroz (PCdoB-SP) e Popó (PRB-BA), o senador Sérgio Petecão (PMN-AC) e cerca de vinte parlamentares.

“São eventos importantes para a sociedade entender melhor ser preciso mudar a destinação das verbas públicas. A gente só espera que este ato não vire apenas uma matéria nos jornais de hoje e amanhã. Que a gente possa ver que uma coisa diferente foi feita. Nós brasileiros temos de entender que vivemos num mundo onde as pessoas mereçam uma qualidade de vida no mínimo razoável. E nós como políticos devemos fazer nossa parte”, declarou Romário.

Durante as visitas os deputados foram bastante assediados por fãs, curiosos e pacientes. Tiraram muitas fotos e deram centenas de autógrafos.

Romário chorou durante visita a Apae

Todos fizeram questão de parabenizar a iniciativa do deputado federal maranhense Chiquinho Escórcio (PMDB). Já há pedidos de 12 cidades para a realização de jogos dessa natureza.

Durante visita ao Hospital do Câncer, o deputado Gastão Vieira (PMDB) reclamou do fato da bancada local ter destinado verbas de emendas à entidade, nunca executadas pela Prefeitura de São Luís.

O ex-delegado da Polícia Federal, o hoje deputado Protógenes Queiroz, destacou o fato dos parlamentares terem alterado suas agendas para participar do evento beneficente. “Esse também é o papel do Parlamento brasileiro.”

O presidente da Assembleia Legislativa, Arnaldo Melo (PMDB), agradeceu “o gesto de solidariedade dos colegas”. “Esse é um exemplo que precisa ser propagado Brasil afora”, afirmou.

Segundo o “técnico” Jota Pinto (PT), o time maranhense vai sair jogando com Roberto Costa, Luciano Leitoa, Hélio Soares; Alexandre (peladeiro) e Rubens Júnior; Paulo César (ex-jogador), Eduardo Braide e Camilo Figueiredo; Neto Evangelista, André Fufuca e Marcos Caldas.

Fotos: J.R. Celedônio.

Irresponsabilidade e gasto desnecessário em Gonçalves Dias

5 ago
Lâmpadas acesas em pleno meio dia, onde precisa de energia não há.

Lâmpadas acesas em pleno meio dia, onde precisa de energia não há.

O povo gonçalvino ficou estarrecido com a notícia que foi divulgada na semana passada onde um cidadão foi barbaramente espancado até quase a morte, isso mesmo, o atentado a vida deste cidadão só se deu porque a cidade gonçalvina segundo as informações que nos chegam, vive as escuras a noite!!! O dinheiro suado que o povo gonçalvino paga em suas faturas com a CIP – Contribuição de Iluminação Pública não chega aos locais essenciais, e o pior de tudo, é que a falta de energia não ajudou a causar apenas este ato bárbaro da semana passada, ao contrário tentativas de estupro, roubos e etc,. são uma constante no centro da cidade, tudo porque não são iluminados os pontos essenciais da cidade, principalmente o centro. Até quando o povo vai pagar por um ‘serviço’ sem ser servido como deveriam?

Os caros leitores não entenderam o que faz a foto acima? Pois é, em pleno meio-dia as luzes da Rua da Creche estavam acesas, isso além de ser uma grande irresponsabilidade, é também um descaso com o dinheiro dos contribuintes gonçalvinos, pois gera um grande desperdício que será pago por todos da cidade, enquanto isso o dinheiro da CIP, um imposto que todos pagam é jogado na lata do lixo, tudo isso por irresponsabilidade e incompetência de quem deve manter com responsabilidade o dinheiro do povo.

Enquanto o dinheiro do povo é continua sendo queimado a luz do dia, literalmente, a cidade percorre o famigerado caminho da mudança.

FONTE: GD NEWS

MP quer que ex-prefeito de Montes Altos-MA devolva dinheiro aos cofres públicos

4 ago
Adail
A Promotoria de Justiça da Comarca de Montes Altos- MA ajuizou, em junho, duas Ações Civis Públicas de execução forçada contra o ex-prefeito do município, Adail Albuquerque de Souza. 
Na primeira ação, o Ministério Público do Maranhão requer o pagamento à Receita Estadual, no prazo de três dias, de multas cuja soma corresponde ao valor de R$ 135.153,52. Na outra, foi solicitado o ressarcimento, no mesmo prazo, da quantia de R$ 280.815,98 aos cofres municipais.
Em ambos os casos os valores devem ser atualizados. O MPMA baseou-se no Acórdão (decisão) nº 168/2010, do Tribunal de Contas do Estado (TCE), que condenou a prestação de contas do ex-prefeito, do exercício financeiro de 2004. Propôs as ações a promotora de Justiça Nahyma Ribeiro Abas (CCOM – MPMA).
Comentário do Blog
 
Valdivino
Valdivino Rocha , “o menos ruim” – Uma cidade sem muita sorte no quesito administração pública. Governada por Nelson Castilho, durante o governo estadual de Edison Lobão, Montes Altos acabou sofrendo interveção estadual diante dos desmandos e falcatruas do prefeito. 
Depois, de lá pra cá nunca mais conseguiu se reerguer administrativamente pois continuou sob o jugo de maus adminsitradores como Patrícia Castilho – mulher de Nelson Castilho – depois Adail Albuquerque que também desastrosamente governou o município e agora deve responder por isso, inclusive com perda de patrimônio. 
Valdivino Rocha é o atual prefeito, que segundo dizem não tem adversários para a próxima eleição. Perguntei a um morador de Montes Altos a razão da possível preferencia do eleitorado pela reeleição de Valdino, ele me respondeu: “Diante de tantos abalos políticos, dos péssimos administradores que que tivesmos nas últimas décadas, ele é o menos ruim”.
Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

%d blogueiros gostam disto: